IPTU EM DIA - SÃO JOSÉ DE RIBAMAR

Luis Fernando realiza 'Seminário de Crédito' para fortalecer negócios em São José  de Ribamar

Na noite desta quarta feira (17) ás 19hs, a prefeitura  de Sao José de Ribamar realizou no Salão da Cultura o seminário destinado a micro e pequenos empresários. Evento contou com a presença de centenas pessoas que estiveram atentos às palestras.



A ação é desenvolvida pelo Prefeitura, Sebrae e BNDES, de acordo com o vice-prefeito Eudes Sampaio a iniciativa visa trazer para a cidade a informação, uma forma de agilizar o processo para facilitar o crédito para o micro e pequeno empresário.


João Martins superintendente do Sebrae parabenizou  o prefeito Luís Fernando e disse ser muito importante o  BNDES está interagindo com os micros e pequenos empresários do município. Aproximadamente 7 bilhões de reais foram o investimentos com base na estimativa do Sebrae significando um direito muito importante para o crescimento do município.


Já Luís Fernando destacou que é preciso valorizar as pequenas empresas pois os grandes empregadores desse país são os micros e pequenos empresários e que no período das suas últimas administrações os índice de economica subiu de 6% para 14% no vetor industrial.

A prefeitira pretende implantar uma nova política na administração para reconstruir os vários setores econômicos do município,  vale lembrar que a prefeitura ja reduziu liquota do ISS para 2,5% e em pouco menos de 4 meses ja foi dobrado a arrecadação do município.

Um comentário:

  1. Email de um impresário ao seu Engenheiro abandonando o Nordeste por corrupção. #FIMdaCORRUPÇÃO

    Sr. Engenheiro (nomes omitido para proteção do empresário e engenheiro)
    Os projetos são feitos com base no local em que vamos construir, em condições particulares, específicas de cada local, seja sob o ponto de vista económico , das idiossincrasias daquele entorno.
    A Prefeitura de São José de Ribamar. fez tantas exigências que ainda que você arrumasse o projeto do jeito que eles querem haveria inviabilidade econômica. Sabemos o que pretendem com isto… Não vamos dar!
    Não há uma única construção naquele lugar.
    Quando você chega na cidade se dá de cara com um comércio medíocre, pessoas pedindo esmola, políticos estupidos, corruptos e despreparados – analfabetos se fazendo de rogados.
    Um vereador fechou minha esposa porque acha que uma vaga, na rua, seria sua. Provavelmente a fechou com um carro de cerca de R$200.000 comprado com dinheiro roubado. Depois dela correr atrás o bandido retirou o carro com extrema má vontade.
    Aquela cidade está literalmente afundada na merda, dependendo da esmola dos governos Estadual e Federal e se faz de rogada expulsando os Empresários.
    Percorremos por vários dias São Luiz e cidades vizinhas para ver se há outra saída. Os terrenos são mau localizados, sem infraestrutura, caros. Parece que há muito especulador e pouco otário já que todos querem ganhar a custa exclusiva do trabalho alheio.
    A mão de obra é cara, desqualificada e de pouca produção, muitos empresários estão trazendo mão de obra de fora e os sindicatos não estão gostando disso.
    Por fim, colocamos nosso terreno a venda e agora precisamos vender dois terrenos que não pudemos trabalhar em razão da estupides e da corrupção.
    Nos próximos dias estaremos a viajar para o Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Vamos ver como andam as coisas por lá. Pelo menos por ali as pessoas adquirem bens tramalhando. Ao menos a grande maioria faz assim por lá.
    É um belo projeto, mas por aqui os Governos odeiam os Empresários e preferem viver de esmola e falcatrua. Somos minoria, as pessoas se acostumaram a viver deste modo não vejo como resolver estas questões sem que haja grandes desgastes que provavelmente nos levarão para lugar nenhum.
    Att.
    https://inaciovacchiano.com/2017/06/23/email-de-um-impresario-ao-seu-engenheiro-abandonando-o-nordeste-por-corrupcao-fimdacorrupcao/

    ResponderExcluir

PROGRAMA DANIEL DE JESUS - TV METROPOLITANA 58 E TV ALTERNATIVA 35

Participe de nossa programação envie sua sugestão de pauta ou denuncia para 98 981913020 Whatsapp.