Manifestação bloqueia Estrada de Ribamar

Por volta das 5h40 desta quinta feira (27) os moradores do residencial Nova Esperança, em Paço do Lumiar, bloquearam a Estrada de Ribamar (MA-201) em reivindicando a titulação fundiária do terreno ocupado há dois anos. Eles atearam fogo em pedaços de madeira e impedem a passagem dos veículos.


Os manifestantes querem a garantia de que permanecerão na ocupação. Eles temem que sejam retirados do terreno para que seja construído uma unidade da Fundação da Criança e do Adolescente do Maranhão (Funac).



A pista foi bloqueada nos dois sentidos com objetos e pedaços de madeira em chamas. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar acompanharam o protesto.

A movimentação causou congestionamento e lentidão no trânsito que somente as 8h:30 começou a ser liberada.

Sinproesemma sob nova direção



O ato de posse da nova diretoria do Sinproesemma ( Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão), aconteceu na última quarta-feira (12), com a presença educadores, educadoras, lideranças locais e do interior do Estado. Numa cerimônia simples a solenidade de posse da Chapa 1 – Unidade e Luta Por Mais Conquistas – eleita com mais de 7 mil votos nas eleições realizadas em dezembro de 2016 – ocorreu no Auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

Foram empossados os membros da Diretoria e do Conselho Fiscal do sindicato, tendo Raimundo Oliveira como novo presidente, para comanda o sindicato dos professores do Maranhão – 2017 a 2021. A mesa de abertura contou com a participação do presidente Júlio Pinheiro que deixa a entidade, do ex-presidente Odair José, do presidente eleito Oliveira e de representantes sindicais.

Carlinhos Maranhão, de Timon, cria o Partido Gay do Brasil



Para ele, em vez da concorrência entre vermelho e azul na política, o futuro PGB pretende reunir todas as cores do arco-íris em uma plataforma que contenha a defesa dos direitos das minorias sexuais oprimidas, segundo.

Carlinhos Maranhão, como é mais conhecido, informa que a campanha pela criação do Partido Gay Brasileiro vai começar em novembro deste. assinaturas para a sua fundação. O Tribunal Superior Eleitoral exige 500 mil assinaturas para o registro oficial..

“A campanha será oficialmente lançada em outubro, um ano antes das eleições. ‘Não tenho pretensão de ganhar, o importante é disputar e conquistar espaço’, diz Carlinhos.

O fundador do PGB tenta conseguir apoio de simpatizantes e homossexuais e todos os gêneros ou com apoio de simpatizantes para ajudarem na formação do partido e fornece até seu telefone pessoal  (061)96753380 zap para quem deseja contribuir na campanha para a formação do primeiro partido gay da América Latina.

Em novembro do ano passado, ele esteve em Brasília, na Câmara dos Deputados onde disse que conseguiu bastante incentivo para continuar com a criação do partido. Carlinhos também já esteve em reunião com algumas autoridades de Teresina (PI), que divide fronteira com Timon.

Veja a relação dos políticos que serão alvos do inquérito da lista de Edson fachin.

Essa como estou falando pode ser a notícia do ano tá ministro É destaque na relatora lava jato no STF mandou investigar 9 ministros 29 senadores 42 deputados e três governadores entre eles estão os principais Aliados do presidente Michel Temer além de presidente da Câmara e do Senado Federal a lista foi divulgada hoje pelo Jornal O Estado de São Paulo São baseados na delação premiada que envolve a Odebrecht.


Vamos aos nomes começando pelos ministros do governo Temer

QUEM SERÁ ALVO DE INQUÉRITO

(segundo o jornal O Estado de S. Paulo)

Senador Romero Jucá (PMDB-RR)
Senador Aécio Neves (PSDB-MG)
Senador Renan Calheiros (PMDB-AL)
Ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB-RS)
Ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab (PSD)
Senador Fernando Bezerra (PSB-PE)
Deputado federal Paulinho da Força (SD-SP)
Deputado federal Marco Maia (PT-RS)
Deputado federal Carlos Zarattini (PT-SP)
Deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RM), presidente da Câmara
Deputado federal João Carlos Bacelar (PR-BA)
Deputado federal Milton Monti (PR-SP)
Governador de Alagoas Renan Filho (PMDB)
Ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Wellington Moreira Franco (PMDB)
Ministro da Cultura, Roberto Freire (PPS)
Ministro das Cidades, Bruno Cavalcanti de Araújo (PSDB-PE)
Ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes (PSDB)
Ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira (PRB)
Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi (PP)
Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho (PMDB)
Senador Paulo Rocha (PT-PA)
Senador Humberto Costa (PT-PE)
Senador Edison Lobão (PMDB-PA)
Senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)
Senador Jorge Viana (PT-AC)
Senadora Lidice da Mata (PSB-BA)
Senador José Agripino Maia (DEM-RN)
Senadora Marta Suplicy (PMDB-SP)
Senador Ciro Nogueira (PP-PI)
Senador Dalírio José Beber (PSDB-SC)
Senador Ivo Cassol
Senador Lindbergh Farias (PT-RJ)
Senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM)
Senadora Kátia Regina de Abreu (PMDB-TO)
Senador Fernando Collor de Mello (PTC-AL)
Senador José Serra (PSDB-SP)
Senador Eduardo Braga (PMDB-AM)
Senador Omar Aziz (PSD-AM)
Senador Valdir Raupp
Senador Eunício Oliveira (PMDB-CE)
Senador Eduardo Amorim (PSDB-SE)
Senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE)
Senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN)
Senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES)
Deputado federal José Carlos Aleluia (DEM-BA)
Deputado federal Daniel Almeida (PCdoB-BA)
Deputado federal Mário Negromonte Jr. (PP-BA)
Deputado federal Nelson Pellegrino (PT-BA)
Deputado federal Jutahy Júnior (PSDB-BA)
Deputada federal Maria do Rosário (PT-RS)
Deputado federal Felipe Maia (DEM-RN)
Deputado federal Ônix Lorenzoni (DEM-RS)
Deputado federal Jarbas de Andrade Vasconcelos (PMDB-PE)
Deputado federal Vicente “Vicentinho” Paulo da Silva (PT-SP)
Deputado federal Arthur Oliveira Maia (PPS-BA)
Deputada federal Yeda Crusius (PSDB-RS)
Deputado federal Paulo Henrique Lustosa (PP-CE)
Deputado federal José Reinaldo (PSB-MA), por fatos de quando era governador do Maranhão
Deputado federal João Paulo Papa (PSDB-SP)
Deputado federal Vander Loubet (PT-MS)
Deputado federal Rodrigo Garcia (DEM-SP)
Deputado federal Cacá Leão (PP-BA)
Deputado federal Celso Russomano (PRB-SP)
Deputado federal Dimas Fabiano Toledo (PP-MG)
Deputado federal Pedro Paulo (PMDB-RJ)
Deputado federal Lúcio Vieira Lima (PDMB-BA)
Deputado federal Paes Landim (PTB-PI)
Deputado federal Daniel Vilela (PMDB-GO)
Deputado federal Alfredo Nascimento (PR-AM)
Deputado federal Zeca Dirceu (PT-SP)
Deputado federal Betinho Gomes (PSDB-PE)
Deputado federal Zeca do PT (PT-MS)
Deputado federal Vicente Cândido (PT-SP)
Deputado federal Júlio Lopes (PP-RJ)
Deputado federal Fábio Faria (PSD-RN)
Deputado federal Heráclito Fortes (PSB-PI)
Deputado federal Beto Mansur (PRB-SP)
Deputado federal Antônio Brito (PSD-BA)
Deputado federal Décio Lima (PT-SC)
Deputado federal Arlindo Chinaglia (PT-SP)
Ministro do TCU Vital do Rêgo Filho
Governador do Rio Grande do Norte Robinson Faria (PSD)
Governador do Acre Tião Viana (PT)
Prefeita de Mossoró/RN, Rosalba Ciarlini (PP)
Valdemar da Costa Neto (PR)
Ex-senador Maguito Vilela
Edvaldo Pereira de Brito, então candidato ao cargo de senador pela Bahia nas eleições 2010
Oswaldo Borges da Costa, ex-presidente da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais/Codemig
Senador Antônio Anastasia (PSDB-MG)
Cândido Vaccarezza (ex-deputado federal PT)
Guido Mantega (ex-ministro)
César Maia (DEM), vereador e ex-prefeito do Rio de Janeiro e ex-deputado federal
Paulo Bernardo da Silva, então ministro de Estado
Eduardo Paes (PMDB), ex-prefeito do Rio de Janeiro
José Dirceu (PT), ex-ministro
Deputada estadual em Santa Catarina Ana Paula Lima (PT-SC)
Márcio Toledo, arrecadador das campanhas da senadora Marta Suplicy
Napoleão Bernardes, prefeito de Blumenau/SC
João Carlos Gonçalves Ribeiro, que então era secretário de Planejamento do Estado de Rondônia
Advogado Ulisses César Martins de Sousa, à época Procurador-Geral do Estado do Maranhão
Rodrigo de Holanda Menezes Jucá, então candidato a vice-governador de Roraima, filho de Romer Jucá
Paulo Vasconcelos, marqueteiro de Aécio
Eron Bezerra, marido da senadora Grazziotin
Moisés Pinto Gomes, marido da senadora Kátia Abreu (PMDB-GO), em nome de quem teria recebido os recursos – a38
Humberto Kasper
Marco Arildo Prates da Cunha
Vado da Famárcia, ex-prefeito do Cabo de Santo Agostinho
José Feliciano

Mulher grávida morre ao tentar desviar de buraco na Estrada de Ribamar

Hoje (10) por volta das 10h30 uma mulher grávida identificada até agora como Dayana se envolveu em um acidente na estrada de Ribamar quando tentava desviar de um buraco. Ela teria freado a moto, quando um coletivo que vinha atrás bateu na traseira da motocicleta e a condutora acabou caindo e a bateu a cabeça no meio fio.
O impacto de Dayana foi tão violento que nem o capacete conseguiu amortecer a queda. A jovem morreu no local.



com informações de luis cardoso

Anuncie!