Candidato a vereador é preso em flagrante


 
Natália Gonçalves de Mato Grosso do Sul

Neste sábado (14) em Japorã no Cone Sul do Estado, a Policia Militar prendeu em flagrante Vinicius Meira, candidato a Vereador do PHS na Coligação do candidato a prefeito Gil Perin (PMDB), Coligação “Unidos Por Japorã 3”.
A prisão aconteceu em um posto de gasolina em Japorã onde o candidato a vereador parou seu veículo, um Fiat Uno quando chegava da região rural do município e vinha sendo acompanhado pelo Sargento Isaías, polícia aposentado que reside em Mundo Novo, que suspeitou que ele estivesse distribuindo material difamatório contra candidatos no município.
O Sargento abordou Vinicius no posto de gasolina e acionou a Polícia Militar que chegou imediatamente ao local e deu o flagrante no candidato, sendo que no interior do veículo estava um maço de folhetos apócrifos, intitulado “A política e os políticos de Japorã estão a venda”.
Meira foi conduzido ao Pelotão de PM local onde foi lavrado o alto de flagrante e o mesmo foi encaminhado a Delegacia de Policia Civil de Mundo Novo onde está a disposição do Delegado Titular de Iguatemi, que substitui em plantão na Comarca.
Os panfletos distribuídos pelo candidato a vereador trazem “suposições” de que diversos políticos foram comprados em troca de apoio político. Mas, em nenhum momento o texto dos panfletos apresenta qualquer prova do relatado o que poderá complicar a vida do candidato, já que no total irá receber seis representações contra ele dos citados nos panfletos que estiveram delegacia para representar contra o candidato na área criminal. Em relação a representação eleitoral advogadas dos candidatos a prefeito de Japorã estiveram no local acompanhando o caso que será encaminhado ao Tribunal Regional Eleitoral e a Policia Federal em Naviraí.
O candidato do PT em Japorã, Vanderlei Bispo, esteve na PM e disse que ‘‘Isso não é bom para o processo eleitoral. Deveríamos estar ouvindo propostas dos candidatos em lugar de estarmos vendo pessoas sem propostas fazer isso com pessoas de bem’’, ponderou. ‘‘A pessoa que foi detida não passa usuário de manobra de pessoas que querem fazer campanha desse tipo, sem propostas, pois não as têm’’, finalizou Bispo. O candidato a prefeito pelo PMDB, Gil Perin não esteve no local.

WJS
Vinicius Meira, preso após ser flagrado pela PM
(Com informações Walter J. Silva)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncie!