Greenpeace protesta contra o Código Florestal em porto de São Luís


A ONG bloqueou o embarque de ferro em protesto contra a "omissão" de Dilma por vetar 12 pontos do projeto

Após oito horas de bloqueio, o Greenpeace liberou neste sábado o embarque de ferro em um navio cargueiro no Porto do Itaqui, em São Luís do Maranhão. O protesto teve como alvo o veto parcial da presidenta Dilma Rousseff ao Código Florestal.


Foto: Divulgação Greenpeace protesta contra o Código Florestal em porto de São Luís
Um grupo de 14 ativistas do Greenpeace chegou ao porto a bordo de seu navio, o Rainbow Warrior, e vários deles subiram em um guindaste com uma carga de ferro gusa que seria embarcada no navio Clipper Hope, propriedade da siderúrgica Viena, segundo informou a ONG em comunicado.
Um estudo divulgado pelo Greenpeace há duas semanas denunciou que algumas siderúrgicas brasileiras contribuem para o desmatamento da floresta amazônica porque usam carvão produzido com madeira extraída ilegalmente da floresta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anuncie!