09 novembro 2016

MARANHÃO GOVERNABILIDADE: SONHO ANTIGO DE LUIS FERNANDO SILVA, TEM INICIO PROCESSO DE METROPOLIZAÇÃO DA ILHA

Prefeito ribamarense foi pioneiro na concepção de projeto de Metropolização para a Grande Ilha ainda em 2004.

O encontro ocorrido nessa segunda-feira (07) entre o governador do Estado, Flávio Dino (PCdoB) e os prefeitos eleitos Talita Laci(PCdoB), Edivaldo Holanda Jr(PDT), Domingos Dutra(PCdoB) e Luis Fernando Silva(PSDB) trouxe à baila e revitalizou um sonho antigo pensado ainda em 2004 pelo gestor ribamarense. Luis Fernando foi pioneiro na discussão que naquele ano começa a despontar como um dos pontos fortes da Gestão pública a ser implementada sob a premissa da acertada governabilidade na grande Ilha de São Luís.



Ocupando uma posição relevante no debate que essa semana se inscreveu no bojo das prioridades do Governo estadual e dos municipais em questão, a Metropolização passa agora do plano cognitivo para uma dimensão concreta, pragmática. Na prática, interessa ao Executivo maranhense fortalecer de forma estratégica, integrando as quatro cidades (São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar), uma região que tanto politica quanto socialmente sempre se manteve aquém de suas próprias potencialidades. Ainda que os municípios sejam autônomos entre si, os valores que os integram são semelhantes em quase todos os aspectos, reservadas as devidas peculiaridades.




O prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando: primeiro a pensar a Metropolização para a Grande Ilha, ele lançou as bases do projeto ainda em 2004.


Segunda maior cidade da Ilha, São José de Ribamar tem um lugar histórico e de destaque no novo panorama a ser vislumbrado a partir de agora. Como já havia noticiado em primeira mão a Agência Baluarte, a reuniãodos prefeitos com o governador representou não apenas o introito para as medidas de desenvolvimento que em breve serão implementadas de forma direcionada em prol das quatro cidades. Mais que isso: pretende ser, como já é, o anúncio de um novo tempo para o fortalecimento da economia local e regaste da autoestima dos habitantes da região. Durante a reunião Luis Fernando Silva frisou que “Felizmente, agora, a bandeira está sendo empunhada por todos os companheiros prefeitos e pelo governador’’.



Em tom de comemoração, a demonstração de alegria do prefeito ribamarense revelou que de fato Luis Fernando pensa a Grande Ilha sob uma perspectiva macro e contempladora das populações. Mas ele também deixou claro que sabe onde está situado e por quem deve elevar e pontuar suas ações na conjuntura que se inaugura. Para quem sugeriu as primeiras bases para um sonho que não só dele, mas de todos, o prefeito de São José de Ribamar manteve a humildade que lhe vem sendo inerente na condução da administração pública ao longo dos anos.


com informações de Fernando Atallaia
Faça um comentário

31 outubro 2016

Termina dia 1º prazo para candidatos prestarem contas à Justiça Eleitoral

O candidato que não prestar contas ou tiver a sua prestação de contas reprovada não serão diplomado, avisa a Justiça Eleitoral
Dúvidas sobre prestação de contas podem ser sanadas no Cartório Eleitoral da Comarca em Cataguases Todos os candidatos a prefeito e a vereador em Minas Gerais que disputaram as eleições deste ano têm até o dia 1º de novembro (terça-feira) para apresentar suas prestações de contas à Justiça Eleitoral. O prazo, previsto na Resolução nº 23.463/2015, do TSE, também é válido para os partidos políticos. O arquivo eletrônico das contas, gerado pelo Sistema de Prestação de Contas Eleitorais – SPCE, deverá ser encaminhado à Justiça Eleitoral pela internet – e não no cartório como se fazia até a última eleição para prefeito. O candidato que renunciou à candidatura, dela desistiu, foi substituído ou teve o seu registro indeferido pela Justiça Eleitoral também deverá prestar contas correspondentes ao período em que participou do processo eleitoral, mesmo que não tenha feito campanha. Já no caso de falecimento do candidato, a obrigação de prestar contas, referente ao período de campanha, será de responsabilidade de seu administrador financeiro ou, na sua ausência, da respectiva direção partidária. Após o dia 1º de novembro, todo candidato que não prestou suas contas terá a sua quitação eleitoral automaticamente suspensa. Após essa data, a Justiça Eleitoral notificará os omissos da obrigação de prestar contas no prazo de 72 horas. Permanecendo a omissão, as contas serão julgadas como não prestadas, ficando o candidato impedido de obter certidão de quitação eleitoral durante o período do mandato para o qual concorreu. Nenhum candidato poderá ser diplomado antes que suas contas sejam prestadas. Outras informações e esclarecimentos sobre como elaborar e encaminhar a prestação de contas à Justiça Eleitoral podem ser obtidos no site do TRE.
Faça um comentário

28 outubro 2016

Hospital Carlos Macieira recebe oficina em diagnóstico e tratamento das leishmanioses

Com o objetivo de orientar profissionais da assistência sobre diagnóstico e tratamento da leishmaniose visceral, também conhecida como calazar, e da leishmaniose tegumentar, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Superintendência de Vigilância Epidemiológica, realizou nesta quinta-feira (27) capacitação técnico/prático no Hospital Dr. Carlos Macieira (HCM).

 

De acordo com a enfermeira Loriany Marques Garcez, do Núcleo de Vigilância Epidemiológica Hospitalar do HCM, o encontro foi positivo e promoveu a atualização da equipe. “O objetivo foi apresentar aos profissionais dados nacionais - do Maranhão e específicos do Hospital Carlos Macieira-, além das novas normas terapêuticas preconizadas pelo Ministério da Saúde e a importância dos exames físicos e clínicos para o diagnóstico como um todo, incluindo o teste rápido para a doença, que já é realizado no HCM”, explicou.

 

A coordenadora do Programa de Leishmanioses do Estado, Monique Maia, contou que o HCM foi o primeiro hospital de São Luís a receber a oficina. A estratégia, segundo ela, é apresentar a realidade de casos de cada hospital, como forma de fortalecer o trabalho das equipes multiprofissionais que atuam nos núcleos, na assistência e nas farmácias. 


“Tem sido crescente o número de casos e de óbitos por causa da doença. Queremos que os profissionais conheçam as novas ferramentas tanto para o diagnóstico como para o tratamento precoce, visando, com isso, a diminuição de óbitos”.


Já o infectologista Jackson Costa ressaltou que os encontros têm como foco o tratamento da doença. “Ao apresentarmos dados reais, baseados nas notificações e a realidade de cada instituição, conseguimos observar quais são os pontos frágeis e o que pode ser melhorado, sempre pensando no cuidado para o paciente”, afirmou.


Faça um comentário

24 outubro 2016

Prefeito eleito Dutra, inicia reuniões para implantar o Hospital Maternidade de Paço do Lumiar


Prefeito eleito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra (PCdoB) esteve reunido na última sexta-feira dia 21, com o Secretário de Saúde do Estado do Maranhão, Dr. Lula debatendo a construção do primeiro Hospital Maternidade do município.

Participaram da reunião o atual presidente da Câmara Municipal, Leonardo Bruno (PPS), os novos vereadores eleitos; Puluca (PV), Ana Lúcia (PDT), Fernando Muniz (PP), Miguel (PRP), além de lideranças comunitárias


Faça um comentário

Aprovados na segunda fase no concurso para procurador do município são convocados para entrega de títulos

Os candidatos aprovados na segunda fase do concurso público para procurador do município e que realizaram a Prova Oral estão convocados para a etapa classificatória de entrega dos títulos. O concurso abre 20 vagas para o cargo de procurador do Município da Prefeitura de São Luís.

 

De acordo com o edital de convocação, publicado no Diário Oficial do Município desta sexta-feira (21), os candidatos devem enviar os títulos de 27/10/2016 a 01/11/2016. Os títulos devem estar em envelopes lacrados e enviados, via SEDEX ou Aviso de Recebimento (AR), para Fundação Carlos Chagas (Coordenação de Execução de Projetos – Referência: Títulos/Prefeitura de São Luís - Av. Prof. Francisco Morato, 1565, Jardim Guedala – São Paulo – SP - CEP 05513-900. 

 

Para avaliação dos títulos serão consideradas as normas constantes do Capítulo XI do Edital de Abertura de Inscrições que pode ser consultado no site da Fundação Carlos Chagas  www.concursosfcc.com.br e no site da Prefeitura de São Luís http://www.saoluis.ma.gov.br/no menu “Editais”.

 


Faça um comentário

12 outubro 2016

Luis Fernando inicia agenda de eventos para agradecer pela consagradora vitória nas urnas

O prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB), iniciou uma agenda de agradecimentos pelos 66.918 votos registrados em favor da sua candidatura no último dia dois de outubro. O tucano reuniu na noite da última quarta-feira (04) mais de 100 candidatos a vereador, que não conseguiram se eleger. No sábado, o encontro foi com a equipe que trabalhou durante a campanha.  

No somatório da votação de Luis Fernando e de Júlio Matos (PMDB), o tucano ficou com 96,17% dos votos, enquanto que o seu adversário registrou apenas 3,82% (2.659 votos), que foram anulados pela Justiça Eleitoral. Com a anulação, o prefeito eleito aparece no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com 100% dos votos válidos.

“Não poderia deixar de fazer um agradecimento especial a todos os nossos candidatos a vereador que tiveram grande importância para a vitória que não é do Luis Fernando, mas de todos. Assim como precisamos na campanha, vamos precisar da contribuição de todos ainda mais na reconstrução da nossa cidade”, disse Luis Fernando.

Para o vice-prefeito Eudes Sampaio (PTB), o encontro organizado por Luis Fernando é, sem dúvida, um fato extraordinário. “Não me lembro de ter visto um prefeito, depois de eleito, reunir todos os candidatos a vereador que não lograram o êxito esperado em suas campanhas para fazer o que Luis Fernando fez hoje aqui, agradecendo de forma especial a todos pela contribuição”, disse o vice-prefeito em seu discurso.

Para Luis Fernando, a sua vitória nas urnas no último dia dois de outubro foi uma conquista da coletividade. “E vai ser este o tom da gestão nos próximos quatro anos: todos juntos, cada um desempenhando o seu papel para, coletivamente, servirmos de forma eficiente o principal personagem da nossa vitória, que é a população ribamarense”, disse o prefeito eleito.

Nesta semana, além de iniciar outra etapa de agradecimentos (desta vez, diretamente ao eleitor), Luis Fernando dará início ao trabalho de transição de governo. 


Faça um comentário