quinta-feira

Intérprete de Zé Bonitinho, ator Jorge Loredo morre aos 89 anos



Morreu na manhã desta quinta-feira (26) o ator carioca Jorge Loredo, de 89 anos. Conhecido pelo papel de Zé Bonitinho, o humorista estava internado desde fevereiro, em estado grave. A causa da morte ainda não foi divulgada.

Jorge Loredo descobriu sua vocação para o humor de uma maneira bastante inusitada, ao ser incentivado a atuar no grupo teatral de um hospital onde foi internado com tuberculose aos 20 anos de idade. O ator se inspirou num amigo que se achava galã para conceber o Zé Bonitinho, figura caricata que se gaba por conquista mulheres com seu charme e jogos de palavras em inglês.

Zé Bonitinho, ultimamente, podia ser visto em A praça é nossa, mas fez parte de diversos humorísticos da televisão nacional. O personagem estreou na televisão em 1960 no programa Noites Cariocas, exibido pela extinta TV Rio. Paralelamente, exerceu a profissão de advogado, especialista em Direito Previdenciário e do Trabalho.


com informações de o imparcial

quarta-feira

Estado é condenado a indenizar mãe de preso morto em rebelião em Pedrinhas


Desembargador Paulo Velten

O Estado do Maranhão foi condenado a pagar indenização no valor de R$ 60 mil, por danos morais, e de R$ 600, referente a despesas com funeral, à mãe de um preso assassinado durante rebelião no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, ocorrida no dia 8 de novembro de 2010, que resultou na morte de 19 presidiários. A decisão foi da 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA).

O órgão colegiado reformou em parte a sentença proferida pelo juiz de primeira instância, para excluir a obrigação de o Estado pagar pensão mensal à mãe da vítima, que era preso provisório, sem condenação penal.

Em sua defesa, o Estado argumentou que não podia ser responsabilizado, por considerar que a morte do presidiário foi consequência de um ataque surpresa de outros detentos em meio à rebelião. Alegou inexistir nexo de causalidade entre qualquer ação ou omissão do Estado e o ocorrido.

O desembargador Paulo Velten, relator da apelação, destacou que é direito fundamental do preso, assegurado pela Constituição Federal, o respeito à sua integridade física e moral. Afirmou que o Estado está obrigado a garantir a vida daqueles que estão sob sua custódia, mantendo-os a salvo de qualquer tipo de agressão, inclusive das cometidas pelos próprios companheiros.

O relator acrescentou que cumpre ao Estado manter vigilância constante e eficiente. Prosseguiu dizendo que, assassinado o preso, condenado ou não, por colega de penitenciária durante rebelião, responde o Estado civilmente pelo homicídio, independentemente de aferição de culpa por parte dos agentes públicos encarregados da segurança do presídio.

Velten citou entendimentos semelhantes do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF). Considerou razoável o valor relativo aos danos morais, fixado pela Justiça de 1º grau, de acordo com precedentes do próprio Tribunal. Também manteve a quantia a ser paga pelo Estado, referente às despesas com funeral.

Entretanto, em relação à pensão mensal, o magistrado disse que a petição inicial não afirma que a mãe da vítima dependia economicamente do filho, nem sequer foi afirmado que ele vivia com a mãe.

O juiz Luiz Gonzaga Almeida Filho, substituto de 2º grau e revisor, acompanhou o voto do relator, pelo provimento parcial ao recurso e ao reexame, para excluir da condenação o pagamento de pensão mensal e ajustar os juros de mora e a correção monetária. O desembargador Marcelino Everton votou pela redução da indenização por danos morais para R$ 40 mil, sendo vencido nesta parte.


com informações do tjma

Casal é fotografado fazendo sexo em moto em movimento


Um casal foi fotografado fazendo sexo em uma moto em movimento em Goa, na Índia. Com base na imagem, a polícia conseguiu identificar e prender a dupla.

O caso ganhou projeção mundial após o deputado indiano Vishnu Surya Wagh compartilhar a foto em seu Facebook.

Wagh ainda brincou na legenda da foto: "Faça sexo andando de moto. Ninguém vai impedi-lo. Essa é Goa".

O casal foi multado em 1 mil rúpias indianas (R$ 50) pela polícia de Goa.

Casal foi fotografado fazendo sexo em moto em movimento em Goa (Foto: Reprodução/Facebook/Vishnu Surya Wagh)

Aprovado projeto que beneficia pessoas que se submeteram a cirurgia bariátrica


Aprovado na sessão plenária desta quarta-feira (25) o Projeto de Lei 034/2015, de autoria da deputada Graça Paz, que obriga os restaurantes e similares que servem refeições à la carte a fazerem constar em seus cardápios porções reduzidas, equivalente à metade das refeições individuais, às pessoas que realizaram cirurgia bariátrica ou qualquer outra gastroplastia.

Na sessão plenária do dia 11 de março, a deputada Graça Paz subiu à tribuna para solicitar o apoio dos colegas parlamentares na aprovação do projeto. Ela lembrou que as cirurgias bariátricas, cada vez mais comuns nos dias atuais, reduzem o volume estomacal e, com isso, a capacidade de ingerir alimentos.

Disse ainda que as refeições individuais - oferecidas usualmente pelos restaurantes e similares - não são adequadas ao consumo de pessoas submetidas a tais intervenções cirúrgicas, obrigando-as a pagar em tais estabelecimentos mais do que podem consumir.

“Nós sabemos que as pessoas que fizeram essa cirurgia comem muito pouco e o restaurante cobra uma porção completa. Além de beneficiar os consumidores que realizaram a cirurgia bariátrica, este processo visa incrementar os serviços oferecidos por restaurantes e similares do Estado, estabelecendo um diferencial que atrairá uma parcela crescente de consumidores, até hoje, ignorada por nós legisladores”, enfatizou Graça Paz.

O projeto recebeu parecer favorável da Comissão de Constituição e Justiça e foi aprovado por unanimidade pelo plenário. Após a sanção do governador Flávio Dino, a lei entrará em vigor em todo o estado.


com informações da agencia assembleia 

Paço do Lumiar: Feira do Maiobão será administrada pelo município

A Feira do Maiobão, era administrado por uma Cooperativa e chamava a atenção pela desorganização e falta de higiene.


A prefeitura de Paço do Lumiar, através da secretaria municipal de agricultura, pesca e abastecimento (Semapa) conseguiu através de muito empenho, a transição da feira do Maiobão para a administração do município. 

O Termo de Concessão foi publicado nesta sexta – feira, 20, no diário Oficial do Estado. Agora a prefeitura de Paço do Lumiar, terá condições de realizar a reforma e ampliação do Mercado Público, conforme projeto elaborado pela secretaria do município para a revitalização do espaço e padronização de barracas.


A feira do Maiobão, era administrado por uma Cooperativa e chamava a atenção pela desorganização e falta de higiene. Os próprios comerciantes criticavam a maneira como o mercado era gerenciado.


Entre algumas delas, ausência de acessibilidade para pessoas com deficiência, problemas nas instalações físicas com o prédio apresentando rachaduras, vazamentos e corrosão da estrutura metálica; lixo, presença de animais como cães e gatos.


Existe inclusive uma suposta denúncia contra a Direção da Cooperativa, sobre a venda de pontos comercias que pertence ao patrimônio público. O Ministério Público irá investigar o caso, e tomar as medidas cabíveis.


Na integra o Termo de Concessão.




com informações de rilton silva

Nova rodada de negociações com rodoviários e SET nesta quinta

Depois de três horas de reunião, não foi fechado nenhum acordo entre o Sindicato dos Rodoviários e o Sindicato das Empresas de Transporte (SET). Uma nova rodada de negociações foi agendada para quinta-feira (26), às 14h, na sede do Ministério Público do Trabalho no Maranhão (MPT-MA), no Renascença.

Segundo o procurador do Trabalho responsável pelo caso, Marcos Rosa, além dos sindicatos obreiro e patronal, a audiência de mediação desta quarta (25) contou com a presença de representantes da Prefeitura de São Luís e do Governo do Estado.

Os participantes da audiência estão discutindo a Convenção Coletiva de Trabalho 2015/2016 dos rodoviários. O caso está sendo tratado em caráter de urgência pelo MPT-MA por ser um serviço de natureza essencial à população da região metropolitana de São Luís.

Ascom / MPT-MA